fbpx
Agende sua consulta agora

A IMPORTÂNCIA DA ROTINA AO GINECOLOGISTA

Compartilhe este conteúdo

Toda mulher deve visitar um ginecologista anualmente ou sempre que apresentarem sintomas que as preocupem, pois esse é o especialista que cuida da saúde da mulher, principalmente nas questões ligadas ao aparelho reprodutor feminino.

O ginecologista é indicado a acompanhar a mulher, estejam elas na adolescência ou em sua fase adulta. As condições comumente tratadas por ginecologistas incluem:

  • Câncer nos órgãos reprodutivos, mamas e tumores relacionados à gravidez;
  • Cistos nos ovários, miomas, distúrbios mamários, úlceras vulvares e vaginais;
  • Condições pré-malignas, como hiperplasia endometrial e displasia cervical;
  • Disfunção sexual;
  • Doenças inflamatórias pélvicas;
  • DSTs;
  • Endometriose;
  • Gravidez, fertilidade, menstruação e menopausa;
  • Incontinência urinária;
  • Início da vida sexual;
  • Planejamento familiar, contracepção e esterilização;
  • Problemas nos tecidos que sustentam os órgãos pélvicos, incluindo ligamentos e músculos;
  • Síndrome dos ovários policísticos.

QUAL IDADE INICIAR AS CONSULTAS COM UM GINECOLOGISTA?

O ginecologista pode tratar uma menina ou de uma mulher em qualquer idade. No entanto, é comum ver as visitas a esse especialista se iniciar na adolescência, entre 13 a 15 anos. Independentemente da idade, existe a necessidade de construir um relacionamento de confiança entre médico e paciente, o que vai permitir que a menina ou mulher se sinta mais confortável para fazer perguntas sobre menstruação, sexualidade…

Essa construção de relacionamento também dá ao médico a oportunidade de orientar o bem-estar geral da mulher a longo prazo, por meio de aconselhamento sobre questões importantes de saúde e estilo de vida.

EXAMES GINECOLÓGICOS ANUAIS:

  • Ultrassonografia pélvica,
  • Papanicolau,
  • Rastreamento infeccioso,
  • Colposcopia,
  • Histerossalpingografia,
  • Ressonância magnética,
  • Laparoscopia diagnóstica,
  • Ultrassonografia da mama. 

PREPAROS INDISPENSÁVEIS PARA A CONSULTA AO GINECOLOGISTA

  • Agendar a consulta fora do período menstrual,
  • Esqueça a ducha vaginal,
  • Esvazie a bexiga antes do exame ginecológico e tente ficar relaxada,
  • Evite ter relações sexuais dois dias antes,
  • Nada de cremes ou lubrificantes vaginais nos três dias que antecedem a consulta,
  • Não precisa se depilar.

QUANDO CONSULTAR UM GINECOLOGISTA

  • Coceira, vermelhidão ou dor vaginal,
  • Corrimento vaginal incomum,
  • Dor ou pressão pélvica, vaginal ou vulvar,
  • Incontinência urinária ou fecal ou desconforto,
  • Sangramento uterino frequente ou intenso e ou cólicas,
  • Secura vaginal,
  • Sexo doloroso.

Apesar desses sintomas geralmente levarem a condições ginecológicas que podem afetar a saúde e a fertilidade, algumas mulheres, infelizmente, evitam a consulta ao ginecologista por vergonha de discutir seus sintomas.

DIAGNÓSTICO PRECOCE, TRATAMENTO PRECOCE

Recorrendo a exames abrangentes e vários tipos de testes, o ginecologista é capaz de diagnosticar a fonte dos sintomas que possam estar causando desconforto. O diagnóstico precoce pode garantir um tratamento eficaz e rápido, o que minimizará o impacto na saúde reprodutiva e geral.

SOLUMEDI

Consultas e exames que cabem no seu bolso!

GINECOLOGIA

A IMPORTÂNCIA DE CUIDAR DE SUA SAÚDE E NÃO SUSPENDER TRATAMENTOS